Quem e porquê

Ricardo
Ricardo Monteiro

Comecei a aprender as “coisas da cozinha” com minha mãe, aos 10 ou 11 anos, mas apenas recentemente comecei a “mexer” mais seriamente. Para mim, cozinhar é uma arte – de quem não apenas entende o efeito de cada elemento básico, mas também tem a “veia” de criar coisas diferentes, únicas. Quando você vê a expressão “receita de família”, ou “espaguete à moda de…”, é porque alguém saiu do lugar-comum e criou alguma coisa nova – e ficou bom!

Eu não chego nesse nível – simplesmente procuro receitas (geralmente na internet), e tento reproduzir o que alguém criou. Se ficar bom, publico. Por isto o título.

Todas as receitas do blog foram feitas (“seguidas”) por mim pelo menos uma vez. As que não dão certo vocês não vão conhecer – afinal, vergonha se passa em particular, não em público…

Se você não entendeu a referência a Remy, no título, veja esse trecho do filme “Ratatouille”. Mas se você tem curiosidade no assunto, assista o filme todo – pode ser inspirador…

Anúncios