“Satay” de frango com molho de amendoim

Ingredientes

  • Para o frango
    • 1/4 xícara de leite de coco
    • 2 colheres de sopa de shoyu (molho de soja)
    • 2 1/2 colheres de chá de curry
    • 1 1/2 colher de chá de cúrcuma (açafrão da terra)
    • 3 dentes de alho amassados
    • 1 colher de chá de gengibre em pó (ou ralado)
    • 1 colher de sopa de açúcar mascavo
    • 1 colher de chá de pasta de anchova
    • 1 kg de frango
    • 1 colher de sopa de óleo vegetal (girassol ou similar)
    • Sal e (opcional) pimenta do reino moída na hora
  • Para o molho
    • 3 colheres de sopa de pasta de amendoim
    • 1 colher de sopa de shoyu
    • 1 colher de sopa de suco de limão
    • 2 colheres de chá de açúcar mascavo
    • 2 colheres de chá (ou mais – a gosto) de molho de alho
    • 1 colher de chá de gengibre em pó (ou ralado)

Preparo

  • Molho
    • Misture os ingredientes numa tigela
    • Adicione água até deixar na consistência desejada
    • Reserve
  • Frango
    • Em uma tigela, misture o leite de coco, shoyu, curry, cúrcuma, alho, gengibre, açúcar mascavo e pasta de anchova
    • Adicione o frango, misture até todos os pedaços ficarem bem cobertos com a marinada
    • Deixe marinando por pelo menos duas horas (preferivelmente a noite toda)
    • Coloque o frango em espetinhos (ou numa grelha), pincele com óleo vegetal e tempere com sal e (opcional) pimenta
    • Asse até o ponto desejado
    • Sirva com o molho

Dicas e Observações

  • O Satay é um “churrasquinho” típico do Sudoeste da Ásia – Indonésia, por exemplo. Veja mais detalhes nesses artigos: em português ou em inglês
  • Você pode encontrar várias receitas na internet, inclusive com outros tipos de carne – a que usei (em inglês) é essa aqui.
  • O frango pode ser praticamente qualquer parte que possa ir na churrasqueira – mas fica melhor com pedaços pequenos, então sugiro deixar de fora coxas/sobrecoxas. Se usar peito, corte em pedaços pequenos. Também pode usar coxinha da asa ou sassami.

Salada Gado-Gado

Ingredientes

Salada:

  • 400 g batatas cozidas em água e sal e picadas
  • 4 ovos cozidos duros e picados
  • 400 g tofu frito em óleo de gergelim (opcional)
  • ½ Acelga “cozida” (derramar água fervente em cima)
    • Opção: Folhas verdes diversas
  • 2 tomates (picados, ou tomates-cereja inteiros)
  • 2 rabanetes
  • 1 pepino japonês
  • 2 xícaras de broto de  feijão
  • 2 pães sírios cortados em pedaços pequenos (tamanho de “Doritos”) e fritos no azeite

Molho:

  • 2 dentes de alho (remover o miolo)
  • 2 colheres de chá de açúcar mascavo
  • 1/2 xícara de pasta de amendoim (não é Amendocrem!)
  • Suco de 2 limões sicilianos
  • Molho de pimenta a gosto
  • 1 colher de sopa de molho de soja
  • 1 colher de sopa de pasta de tamarindo
  • Sal a gosto

Preparo

  • Bater todos os ingredientes do molho no liquidificador – ajuste as quantidades (especialmente o limão) conforme necessário para ficar pastoso, não líquido, e de acordo com seu gosto;
  • “Forrar” tigelas individuais com a massa resultante;
  • Colocar os ingredientes da salada na tigela, misturados ou enfeitando a seu gosto – a pessoa vai misturando o molho conforme vai comendo a salada.

Dicas

  • Os ingredientes da salada podem variar conforme a estação e o gosto;
  • Se picar as batatas antes de cozinhar, fica pronto bem mais rápido;
  • Cuidado com o sal: limão, molho de soja e pimenta realçam o sabor. Por outro lado, se usar como entrada é bom ser um pouco mais salgada e ácida, para abrir o apetite;
  • Corte os ingredientes da salada em pedaços pequenos, para ficar mais fácil de pegar com o garfo;
  • Pode ser servida como prato único – as batatas, pão sírio e creme de amendoim dão bastante “sustância”;
  • Sem as batatas e o pão sírio (mais leve) dá uma entrada “diferenciada”, e fica muito legal em tigelas oblongas – tipo “banana split”.
  • SEMPRE pergunte a seus convidados se eles têm alguma restrição de saúde ou de gosto – alergia a amendoim pode ser muito perigosa!

Receita original (em inglês) – Jamie Oliver